ptzh-CNenfrdeites

Notícias

41222194 2403583766326152 4590188762218102784 nO Centro Histórico de Santarém viveu a quarta edição do projeto “Verão In. Str… é um Espanto!”, com uma programação que se estendeu entre os dias 21 de junho e 22 de setembro. O programa de verão, que contou com múltiplas atividades, encerrou com balanço bastante positivo e um público que se estima ter superado os noventa mil participantes.

 Quanto às várias vertentes integradas no projeto, no que respeita ao In. Agenda, registou-se um público superior a 90 mil pessoas. Tal fato, deveu-se à aposta principalmente em grandes concertos como o de Três Bairros, Pedro Barroso, Olavo Bilac, os tributos aos Pink Floyd e a Carlos Santana, bem como Os Festivais de Folclore (Da Aldeia à Cidade e Celestino Graça) e a uma programação intensa, particularmente às 5as feiras à noite, com o In.Downtown, animação de rua interligada com o comércio local, durante os meses de julho e agosto. 

Este ano, mais uma vez não só o centro histórico da cidade recebeu a iniciativa Verão In.Str, mas também a Ribeira de Santarém, sobretudo com espetáculos musicais e o seu festival de Folclore Rio Tejo.

O In.Estátua - I Festival de Estátuas Humanas, decorreu nos dias 10 e 11 de agosto e constituiu um momento de grande animação da cidade. Quinze estátuas, das quais doze a concurso e três de convidados especiais.

A expressão que melhor caracterizou este evento, ouvimo-la nas ruas da cidade por esses dias: “o In.Estátua permitiu acontecer uma cidade cheia de gente feliz”. Foi de facto isso que aconteceu, com muitos milhares de pessoas nas ruas da cidade naqueles dois dias.

 

In. Artes apresentou-se com a grande novidade do Pictorin - I Encontro Internacional de Arte de Santarém

No último fim de semana de junho, a Arte Urbana voltou a pontuar esta dimensão da Iniciativa, sendo que este ano se assistiu a uma articulação entre as intervenções artísticas em painéis amovíveis, na Praça Marquês Sá da Bandeira (Largo do Seminário) e no Jardim da Liberdade no enfiamento da Rua Pedro Canavarro, e uma intervenção de carácter mais permanente, instalado no muro do Círculo Cultural Scalabitano.

Nesta fase terminal da iniciativa, vários armários de eletricidade em Santarém estão a ser também embelezados com intervenções artísticas de jovens alunos de artes da Escola Dr. Ginestal Machado, em resultado da parceria entre a EDP Distribuição, criando assim uma galeria de arte urbana a céu aberto.

Também este ano se verifica a parceria com o Serviço de Psiquiatria do Hospital de Santarém sob a direção do pintor João Maria Ferreira.

No início de julho, abriu no Palácio de Landal, a “Exposição Retrospetiva In. Artes” que reuniu os artistas que participaram nas três edições anteriores da Iniciativa. No contexto desta exposição, tiveram lugar três conversas sobre arte, todas em setembro e que versaram temas como: “O Processo criativo e a curadoria”. Tempo ainda para conhecer o projeto artístico “Oficinas do Convento” de Montemor-o-Novo. Realça-se a importante adesão de artistas a estas conversas, enchendo a sala e colocando importantes questões inerentes ao processo de vida artística. 

Relativamente às lojas devolutas que foram transformadas em galerias de arte. o projeto concretizou-se com duas galerias, (Rua Serpa Pinto, nos 35 e 60), com uma exposição subordinada ao tema “As Pedras, Testemunhos Silenciosas”, apresentando um discurso expositivo a partir de trabalhos dos artistas Carlos Amado, Fernanda Narciso e Mário Jorge Rodrigues.

A exposição “Caminho das Artes”, foi este ano, bastante acarinhada pelos comerciantes e moradores do centro histórico de Santarém. Consistiu na colocação de fotografias nas varandas da Rua Serpa Pinto e do Largo Visconde Serra do Pilar (Praça Velha). A concretização da instalação do sistema de iluminação noturna logo no início da exposição, constituiu um fator de valorização considerável e que muito contribuiu para a visibilidade dos trabalhos expostos.

Ainda no que à fotografia diz respeito, a instalação da exposição “Tejo, Vida e Morte de um Rio”, no Jardim Portas do Sol, marcou claramente a programação e verão. Estas duas exposições terão sido vistas por largos milhares de pessoas, nacionais e estrangeiros, sendo recorrente, observar pessoas que até ao final do verão as visitam e fotografam.

Referência ainda para a celebração do Dia Mundial da Fotografia, que em pleno mês de agosto, reuniu na tarde do dia 19, domingo, cerca de quarenta interessados, no auditório das Portas do Sol, para uma conversa com Daniel Silva, formador da Academia Olhar.

Ponto alto da componente In.Artes, foi o Pictorin – I Encontro Internacional de Arte. Decorreu de 1 a 10 de setembro, tendo reunido artistas de países como França, Inglaterra, Dinamarca, Polónia, Ucrânia, Rússia, além de Portugal. Deste encontro cujo tema foi “Como eu Vi Santarém”, resultaram duas exposições, uma no W Shopping e outra no Fórum do Centro Cultural Regional de Santarém.

 

Pombinhas de Santarém voltam a “fazer história”

O projeto de trabalho com as pastelarias da cidade, passou este ano por incluir a exposição de obras de arte nos estabelecimentos aderentes, o que constituiu elemento diferenciador. Esta forma de trabalho, poderá evoluir para um projeto que poderá incluir a criação de obras de arte especificamente para cada pastelaria sob o tema das Pombinhas de Santarém.

Segundo a tradição, as Pombinhas de Santarém celebram a amizade e a reconciliação e terão feito parte do bodo que era distribuído aos pobres no Dia de Pentecostes, data que é assinalada 50 dias depois da celebração da Páscoa.

 

Street Food e SoundSet Fest superaram expectativas

O festival “Street Food In.Str” que teve lugar no Jardim Portas do Sol, de 27 a 29 de julho, com o tema: “Magical Light In. Street Food” e aos vários paladares gastronómicos espalhados pelo globo registou um forte salto qualitativo nomeadamente com a procura de muitos turistas estrangeiros, particularmente no período da manhã.

Contribuiu também para o triunfo o festival de música “SoundSet Fest”, nos dias 27 e 28 de julho, numa organização da Associação “Em Nome da Rosa”, bem como o novo sistema de decoração e iluminação do recinto.

A parceria com a Associação “Em Nome da Rosa” voltou a resultar num evento de grande atratividade, unanimemente reconhecida.

 

A atividade desportiva e de bem estar consolida-se na programação do In.Str

O In. Movimento, como sempre, no Jardim Portas do Sol, cumpriu a sua função: oferecer aulas de desporto e hábitos saudáveis ao público aderente, nomeadamente, aulas de Yoga pela AMA/Federação Portuguesa de Yoga e animação desportiva destinada a famílias, promovida pela DECLATHON, obtiveram uma avaliação deveras positiva.

 

Visitas Guiadas Temáticas mostram uma Santarém desconhecida

As visitas guiadas temáticas, assim com as visitas organizadas pelo Museu Diocesano de Santarém, rechearam o programa de verão, com uma oferta sempre distintiva e muito procurada.

A adesão das viagens de minibus, de quarta-feira a domingo, com partidas às dez, às onze e às doze horas, manteve o padrão de procura do ano passado, com uma procura significativa de turistas de nacionalidades distintas.

O percurso este ano foi aumentado, com a inclusão da zona do Sacapeito e a introdução de sistema informativo disponível em Português e Inglês, via App, a partir do site do In.Str. Esta vertente, resulta de uma parceria com a Rodoviária do Tejo.

 

In. Tradição traz mundo rural à cidade

Todos os sábados de manhã, a Fundação INATEL, em parceria com a Iniciativa Verão In.Str , trouxe ao centro da cidade, a animação e a alegria do mundo rural.

No corrente ano contou-se com um rol de recriações de diferentes agrupamentos folclóricos, tendo havido uma grande interatividade entre o público, o comércio e os visitantes.

Pela noite dentro, o tempo foi de estar, usufruir, e a cidade tem ampla resposta a este nível. No In.AfterHours, procurou-se expressar a oferta disponibilizada pelos nossos estabelecimentos noturnos.… e muita foi a animação!

No que diz respeito à divulgação do projeto “Verão In. Str… é um Espanto!” consideramos ter valido a pena a aposta na promoção nos meios de comunicação (locais, televisivos – spot publicitário).

Neste campo, o recurso a formas de divulgação como as lonas utilizadas para eventos mais relevantes, mas de curta duração dentro da iniciativa, revelou-se muito apropriada.

A aposta numa divulgação mais segmentada de alguns projetos que integraram a iniciativa obteve também resultados de sucesso e registou-se uma elevadíssima qualificação com todo o trabalho desenvolvido nas redes sociais e uma grande rentabilização do Instagram, graças à colaboração de alunas das Escolas Profissional do Vale do Tejo e Dr. Ginestal Machado.

Fica o reconhecimento aos agentes culturais que integram a parceria que tornou possível a concretização da Iniciativa Verão In. Str, bem como o agradecimento a todos os apoiantes, nomeadamente: Turismo do Alentejo e Ribatejo, União de Freguesias da Cidade de Santarém, INATEL, Rodoviária do Tejo, EDP, EPVT – Escola Profissional do Vale do Tejo, Instituto Português do Desporto e da Juventude, Bonduelle, Nobre, COMPAL, Instituto Politécnico de Santarém, Escola Superior de Educação, DECATHLON, Adega Cooperativa de Alcanhões, PSP, Pauletrónica, Pintoinveste, Ekoo, Cantinhos da Casa, Auto Sueco, ERA / Santarém, Caixa de Crédito Agrícola de Santarém, Caetano Auto, Millennium BCP, Lena Automóveis, além da ACES - Associação de Comerciantes e a Empresa Municipal Viver Santarém e Águas de Santarém.